Crescimento micelial de isolados de Phytophthora spp. em diferentes meios de cultura

Micaely Cristina de Oliveira Reis, Miriã Torres Cavalcante, Josiele Fernandes Siqueira Lemgruber, Luciano dos Reis Venturoso, Eyder Daniel Gómez López, Carlos Alberto Huertas Davey

Resumo


O gênero Phytophthora tem sido responsável por causar danos a diferentes culturas em nível mundial. O estudo de diferentes meios de cultura, seja natural ou sintético, tem abordado a dificuldade de se realizar o isolamento e conservação deste oomyceto, sendo que os meios naturais possibilitam crescimento acelerado e constante, devido a presença de tiamina em sua composição. O trabalho teve por objetivo avaliar o crescimento micelial de três isolados de Phytophthora spp. incubados em diferentes meios de cultura. Foram utilizados os meios de cultura: Ágar-Cenoura, Ágar-V8 e Ágar-Tomate-Ervilha, e os isolados BENG 1B, SJ (Hb) A e SJ (Hb) C2. O isolamento do patógeno foi realizado a partir de plantas de abacaxi, utilizando-se folhas infectadas. O material foi coletado nos municípios Buga e Florida no estado de Valle del Cauca, Colômbia. O experimento foi desenvolvido no Laboratório de Diagnóstico Vegetal da Universidade Nacional da Colômbia, sede Palmira, em delineamento inteiramente casualizado, com quatro repetições. Para a análise do crescimento micelial do fitopatógeno, as placas de Petri foram riscadas em sentido perpendicular, de forma a medir o crescimento da colônia em dois eixos ortogonais. As medições foram realizadas com o auxílio de um paquímetro digital, em intervalo de 24 horas, contando-se a partir da implantação do experimento, e sendo finalizada quando o oomyceto atingisse cerca de 80% da superfície de placa. O uso do meio de cultura contendo Ágar-V8 possibilitou o menor crescimento micelial dos isolados de Phytophthora. Os meios de cultura Ágar-Cenoura e Ágar-Tomate-Ervilha, apresentaram resultados semelhantes entre si, com crescimento superior a 3 cm para todos os isolados estudados. Independentemente do meio de cultura, observou-se que o isolado BENG 1B apresentou o maior crescimento micelial.

Palavras-chave


oomyceto, ágar-cenoura, ágar-tomate-ervilha.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.