Eficiência agronômica do ingrediente ativo clorotalonil (720 g L-1) para o controle da ferrugem-asiática na cultura da soja

Jeane Valim Galdino, Eloir Moresco, Priscila Daniele Santos Silva, Marina Senger, Jonas Françoso, João Acir Batista Lopes

Resumo


A ferrugem-asiática é uma doença de suma importância para a cultura da soja, dado o seu alto potencial de dano. No estado do Paraná, a doença tem-se destacado dentre os maiores desafios para que se mantenha alta produção. Objetivou-se avaliar a eficiência agronômica de diferentes doses de clorotalonil (720 g L-1) para controle da ferrugem-asiática e seu efeito em relação à produtividade na cultura da soja. O experimento foi conduzido na 3M Experimentação Agrícola, em Ponta Grossa/PR. O delineamento estatístico utilizado foi em blocos ao acaso, com seis tratamentos e quatro repetições, utilizando-se a cultivar NA5909 RG. Realizou-se três aplicações foliares, espaçadas em 10 dias, dos tratamentos Clorotalonil, nas doses de 800, 1000, 1200 e 1400 mL ha-1; Mancozebe, na dose 1500 g ha-1 e testemunha. A primeira aplicação foi realizada preventivamente. As parcelas possuíam área total de 15 m2 e população de 300.000 plantas por hectare. Os resultados foram avaliados previamente à aplicação dos tratamentos, 10 dias após a primeira e segunda aplicação, e aos 7, 14 e 21 dias após a terceira aplicação, através da avaliação visual do percentual de severidade da doença. A partir dos valores de severidade foi calculada a Área Abaixo da Curva de Progresso da Doença (AACPD). A colheita foi avaliada em 5,0 m² por parcela. As variações nas doses de Clorotalonil produziram efeito positivo, verificando-se aumento na eficácia de controle devido ao aumento de dose. Todos os tratamentos químicos promoveram redução da AACPD, em comparação à testemunha, evidenciando sua eficiência contra o avanço da doença. Conclui-se, através da AACPD, que o Clorotalonil, foi eficiente no controle da Ferrugem-asiática, na cultura da soja, até 14 dias após a terceira aplicação com resultados semelhantes ao Mancozebe. A ferrugem afetou significativamente a produtividade da soja, com redução variável entre 11% e 18%, influenciada pelas doses dos fungicidas, corroborando com os dados observados para a AACPD.

Palavras-chave


ingrediente ativo, Glycine max L., protetor, Phakopsora pachyrhizi, fitossanidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.