Protótipos de microrganismos como ferramenta na aprendizagem em Fitopatologia e ciências afins

Ana Karoline Sodré de Medeiros, Vitória Karla de Oliveira Silva, Claudio Belmino Maia, João Victor Souza Camara, Ingrid Raquel Melo Costa

Resumo


O desafio dos professores é ministrar o conteúdo em sala de forma dinâmica, clara e objetiva, muitas vezes para isso, recorrem a modelos didáticos visando aprimorar o processo de aprendizagem. Os modelos auxiliam na associação do conteúdo teórico à realidade do conteúdo que está sendo abordado em sala. Portanto, o objetivo desse trabalho foi desenvolver protótipos de microrganismos para serem utilizados como ferramenta pedagógica e avaliar o nível de satisfação e aprendizagem dos alunos da disciplina de fitopatologia aplicada do curso de agronomia do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Estadual do Maranhão. Para a produção dos protótipos foi feita uma pesquisa na literatura sobre os fungos (Curvularia lunata, Alternaria alternata, Fusarium oxysporum), nematoides (macho e fêmea: Meloidogyne spp.) e vírus considerando características métricas, morfológicas e cor. Após isso, trabalhou-se com transformações de unidades (micra para centímetro) para se conseguir chegar ao tamanho ampliado do microrganismo, em seguida foram produzidos os protótipos com massa de modelar biscuit. Após pronto, os protótipos (Curvularia lunata, Alternaria alternata, Fusarium oxysporum), nematóides (macho e fêmea: Meloidogyne spp.) e vírus, foram apresentados aos alunos da disciplina e aplicado um questionário aos mesmos. Os protótipos desenvolvidos respeitaram as proporcionalidades e demonstraram as características de cada organismo. Apesar das limitações existentes nos modelos didáticos, os questionários reafirmaram o quão importante os protótipos foram para o ensino-aprendizado em Fitopatologia, pois através dos sentidos como, audição, tato e visão os estudantes conseguiram assimilar melhor o conteúdo abordado em sala. Vale ressaltar ainda que os modelos englobarão a educação inclusiva, pois beneficiará pessoas com deficiência visual, e esses recursos possibilitarão a construção de novos saberes a partir da prática lúdica, prazerosa e interativa.

Palavras-chave


modelos didáticos, educação, disciplina.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.