O pH de caldas bioinseticidas à base de Bacillus thuringiensis pode afetar a mortalidade de Spodoptera frugiperda?

Matheus Henrique Tozzi Guarita Borges, Joacir do Nascimento, Arthur Oliveira, Isabella Cristina Santos do Egito, Luiz Paulo Ribeiro Silva, Ricardo Antônio Polanczyk

Resumo


A lagarta-do-cartucho, Spodoptera frugiperda é a principal praga da cultura milho, porém altas populações desse inseto podem ocorrer em soja. Seu controle é realizado principalmente com inseticidas químicos, no entanto a utilização de bioinseticidas à base de Bacillus thuringiensis (Bt) tem sido uma estratégia no controle. Apesar da sua especificidade e seletividade, alguns fatores podem reduzir a eficiência desses produtos, destacando-se, o pH da calda na pulverização. Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito do pH de dois bioinseticidas a base de Bt na mortalidade de S. frugiperda. O experimento foi realizado em delineamento inteiramente casualisado, em esquema fatorial com tratamento adicional [(3x2) +1] e 40 repetições (lagartas). Foram analisados três valores de pH da calda (4, 7 e 9), dois bioinseticidas (Agree® e Xentari®) e uma testemunha (água). Cada unidade experimental foi constituída de 50 m2 com 700 plantas de soja. Uma hora após a aplicação das caldas, foram coletadas 40 folhas de cada tratamento. Em laboratório, foram retirados discos foliares (3 cm de diâmetro), e fornecidos para lagartas de 2º instar de S. frugiperda. A avaliação da mortalidade das lagartas foi realizada cinco dias após a aplicação. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste Tukey a 5% de probabilidade usando o programa R. O bioinseticida Xentari® nos valores de pH da calda de 4 e 7 causou 80% e 70% de mortalidade, respectivamente, com redução na eficiência para 28% no pH 9,0. Essa redução pode estar associada com a dissolução do cristal no tanque de pulverização, antes de ser aplicado e ingerido pela lagarta. Para o produto Agree® não foi observada diferença entre os valores de pH da calda, obtendo uma mortalidade 42,5%; 35% e 22,5% para os valores de pH 4, 7 e 9 respectivamente. A Além disso, a diferença de mortalidade entre os produtos pode ser relacionada à composição de toxinas Cry de cada bioinseticida.

Palavras-chave


lagarta do cartucho do milho, entomopatógeno, Bt, controle biológico.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.