Monitoramento da suscetibilidade de Chrysodeixis includens a teflubenzurom em Mato Grosso

Leonardo Vinicius Thiesen, Fátima Teresinha Rampelotti-Ferreira, João Paulo Lazzeris Carvalho, Janaina De Nadai Corassa, Sandra Maria Morais Rodrigues, Rafael Major Pitta

Resumo


Chrysodeixis includens é considerada praga chave na soja, pois apresenta um elevado consumo foliar e difícil controle devido a preferência alimentar ser no terço médio das plantas. O uso de inseticidas ainda é o principal método de controle dessa espécie, sendo comum a aplicação de teflubenzurom associado as pulverizações de herbicida ou fungicidas em soja, geralmente adotado de maneira preventiva por ser um inseticida fisiológico e de baixo custo. Essa associação eleva o número de aplicações de inseticidas utilizado no controle, e consequentemente, aumenta a pressão de seleção nas populações de campo. Nesse sentido, o objetivo do trabalho foi monitorar a suscetibilidade de Chrysodeixis includens ao teflubenzurom, em 6 municípios de Mato Grosso, na safra de 2017/18. Foram utilizados bioensaios de dose-diagnóstica a partir da CL50 e CL95 estabelecidas previamente na população suscetível de laboratório, onde em cada concentração utilizou-se 336 lagartas divididas em 14 placas com 24 poços cada. Foi aplicado 20 µL de inseticida na superfície da dieta (1,91 cm²) e após 1 hora houve a infestação de lagartas de 3º ínstar, que foram mantidas em condições ideais de laboratório por 72 horas, para posteriormente avaliar a mortalidade. Os dados mostraram que as mortalidades das populações de campo variaram de 0 a 45% em ambas as concentrações testadas, indicando que todas as populações avaliadas possuem suscetibilidade reduzida a teflubenzurom. Nesse sentido, é importante realizar esse tipo de estudo com as demais moléculas utilizadas no controle dessa praga para promover assim um correto rodizio de ingredientes ativos, além de pesquisas complementares para entender se há custo adaptativo, herança da resistência e opções de sinergistas para utilizar junto ao teflubenzurom para controlar a lagarta, afim de promover um manejo da resistência.

Palavras-chave


lagarta falsa medideira, benzoilureia, manejo da resistência, dose-diagnóstica.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.