Comparativo de eficácia entre o óleo do nim e de Trichoderma sp. no controle de larvas de Tenebrio molitor

Alex Felix Dias, Evellyn Garcia Brito, Lizandra Maria Maciel Siqueira, Rafhael Gomes de Souza, Ana Paula Magno do Amaral, Telma Fátima Vieira Batista

Resumo


No Estado do Pará ocorre uso de plantas medicinais e aromáticas como forma de controle alternativo para as pragas que acomete a produção, exemplo disso é o uso da planta Azadirachta indica, conhecida como nim, que apresentar ação inseticida devido ao composto Azadiractina. Outro controle alternativo é o uso de fungos entomopatogênicos, como o Trichoderma sp. Assim, objetivou-se avaliar a eficiência do extrato de nim e de Trichoderma no controle de Tenebrio molitor. O composto do nim foi extraído pelo método de arraste a vapor e o para o Trichoderma se criou uma solução concentrada. Sua aplicação foi de contato, por meio de papéis filtros borrifados com água destilada, hidrolato de nim e solução concentrada colocados dentro da placa de petri que continha os insetos. Os bioensaios foram 3 tratamentos: T1 = apenas hidrolato; T2 = apenas fungo; T0 = somente água destilada. Ao quais tinha 4 repetições, onde cada repetição tinha 10 tenébrios. O experimento sucedeu por 10 dias em uma estufa incubadora BOD, sendo os insetos alimentados com chuchu. Diariamente foi contabilizado os tenébrios que vieram a óbito, posteriormente foi feito uma análise visual verificando a esporulação do fungo e seguindo da análise dos resultados no Excel. Como resultado da porcentagem de mortalidade, pode-se observar que o T0 apresentou maior mortalidade, isso pode ocorrer devido á erro experimental, seguido pelo T1 mostrando maior eficiência em relação ao T2. Observou-se na taxa de esporulação (quantidade de mortos que apresentavam hifas), no tratamento contendo Trichoderma apresento somente 66,7%. Desse modo, se concluí que o uso de nim é uma possível solução para o controle de pragas.

Palavras-chave


controle biológico, Azadirachta indica, fungo entomopatogênico.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.