Ação de concentrações de Beauveria bassiana e do hidrolato de Azadirachta indica no controle de Tenebrio molitor

Evellyn Garcia Brito, Lizandra Maria Maciel Siqueira, Alex Felix Dias, Rafhael Gomes de Souza, Ana Paula Magno do Amaral, Telma Fátima Vieira Batista

Resumo


A utilização intensiva de produtos químicos no controle de pragas na agricultura tem prejudicado a saúde humana e a natureza. Outras formas de manejo têm se destacado, como o controle biológico e o uso de substâncias inseticidas extraídas de plantas. Nesse sentido, este trabalho objetivou-se avaliar a eficiência de Beauveria bassiana e Azadirachta indica em diferentes concentrações sobre larvas de Tenebrio molitor. Os bioensaios foram compostos por quatro tratamentos em relação às concentrações em porcentagem de hidrolato de nim em conjunto com a B. bassiana. No tratamento T1 = água destilada, T2 = 25% do hidrolato + 75% B. bassiana, em T3 = 50% do hidrolato + 50% B. bassiana e em T4 = 75% do hidrolato + 25% B. bassiana. De modo que cada tratamento obtivesse quatro repetições e dez larvas de T. molitor. Os ensaios foram conduzidos em uma incubadora BOD (Demanda Química do Oxigênio) a 27 ºC, sendo verificados diariamente por dez dias. A alimentação das larvas foram a base de chuchu (Sechium edule). No decorrer do experimento contabilizou-se a mortalidade de T. molitor e pode-se verificar em água destilada 25% de mortalidade, enquanto isso no T2 e no T3 obteve-se 100% de mortalidade.  Foram calculados 97,5% de mortes em T4 = 75% do hidrolato + 25% B. bassiana. Portanto a concentração de hidrolato combinado com B. bassiana que apresentou melhor atuação sobre a larva do T. molitor foi o T2= 25% de hidrolato + 75% B. bassiana e o T3 = 50% de hidrolato + 50% B. bassiana com maior número de mortalidades, devido ao fungo estar mais presente nas concentrações.

Palavras-chave


entomopatogênico, fitossanidade, fungo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.